---Fundamentos Espirituais – Permanecer
Fundamentos Espirituais – Permanecer 2017-07-18T14:26:12+00:00

Fundamentos Espirituais – Permanecer

Descrição

“Esta disciplina tem como objectivo principal levar o participante a “Permanecer” na Videira Verdadeira, Jesus Cristo. “Permanecer” é uma experiência vivencial que passa pela (1) compreensão dos princípios espirituais presentes no Evangelho de João, Capítulo 15, pela (2) valorização de uma relação de dependência diária de Jesus Cristo e pelo (3) desenvolvimento de disciplinas espirituais que permitem consolidar esse relacionamento, 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Ao longo do semestre iremos explorar e aprofundar estas três áreas para que, no final desta disciplina, sejamos capazes de entender que, afinal, possuímos todos os recursos para viver um relacionamento pleno com Jesus.

O que pensamos estar em falta, não está!” Carlos McCord

Finalidades

Depois de concluir esta disciplina com êxito, você deverá ser capaz de fazer o seguinte:

  • Compreender os princípios teológicos presentes no Evangelho de João, capítulo 15,
  • Valorizar uma relação de dependência diária de Jesus Cristo
  • Desenvolver as disciplinas espirituais que permitem consolidar o “Permanecer”, 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Dados

  • ECTS: 5
  • Horas Totais de Trabalho: 125
  • Uma média de 8 horas de trabalho por semana
Esta disciplina leva-nos ao “verdadeiro” conhecimento de Deus. Pois convida-nos a ter, e experimentar na pratica a verdadeira “Intimidade com o Deus vivo”.Não se trata só de saber sobre a Palavra, entendida como mero conhecimento teológico do Novo e Velho Testamento, (que também são importantes se associados à fé) mas de aprender a conhecer verdadeiramente e intimamente Deus, crescendo na graça do Seu conhecimento.

Esta disciplina tem a particularidade de levar-nos a entender a mensagem da necessidade da intimidade/dependência de Deus, e de como esta seja a mensagem central do Evangelho, juntamente com a salvação. E leva-nos de forma pratica a experimentar esta realidade na nossa vida.Espero que possam entender que não se trata de “mais um estudo” ou “mais um ensinamento” mas de algo fundamental, e que se aplicado conforme nos convida de forma pratica a disciplina, passamos a ter realmente em nós a vida “vitoriosa” que muitas vezes só conhecemos como conceito puramente abstracto e/ou teologico.

O operar em nós, em qualquer área, tem que ser Cristo!

Paulo Pozzan