----Módulo 1 não defraudou em nada as minhas expectativas

Módulo 1 não defraudou em nada as minhas expectativas

[image_frame style=”framed” align=”left”]http://www.teofilos.org/wp-content/uploads/Cristina-Soares.jpg[/image_frame]
[pullquote2 align=”right” variation=”orange”]. . . matéria de fácil aplicação no ministério, pela sua componente técnica/teórica, mas bastante prática; tornando-se uma mais valia para qualquer um que o fizesse[/pullquote2] O Módulo 1 não defraudou em nada as minhas expectativas. Assim que recebi informação deste Curso, fiquei atraída pelos tópicos contidos em cada um dos módulos, por abordarem algumas áreas nas quais nunca recebi formação específica e também por perceber que seria matéria de fácil aplicação no ministério, pela sua componente técnica/teórica, mas bastante prática; tornando-se uma mais valia para qualquer um que o fizesse.

Para mim, sem sombra de dúvida, a unidade que mais gostei, chegando a provocar algum furor, foi a lição 3: os três âmbitos de aprendizagem. Apesar de ter sido a unidade mais extensa a nível de informação, foi aquela que me fez refletir, quase de imediato, a respeito do meu ensino e como estava a “tocar” ou não nos âmbitos cognitivo, afectivo e de habilidades. Fiquei bastante agradada com este cuidado que devemos ter de pensar na pessoa como um todo, mas reconhecendo cada área específica do ser humano que precisa ser focado e aplicados alguns princípios, para que consigamos de facto, facilitar a aprendizagem. Deu-me um gozo tremendo pensar nisto de forma prática, respondendo ao fórum obrigatório em questão e perceber que não é assim tão difícil, se tivermos em conta os âmbitos e seus níveis de complexidade!

Além disto, gostaria de salientar mais algumas coisas que me agradaram particularmente:

  • o enfatizar que a eficácia do ensino deve ser avaliada com base na qualidade da aprendizagem dos alunos – eu concordo em absoluto;
  • a distinção que é feita entre os métodos de ensino e a função do mesmo – podemos facilmente, distraírmo-nos com as formas de ensinar e perder o foco/função, que é prioritária: levar alguém a aprender. Cito: “A actividade desenvolvida na aprendizagem nunca é um fim em si mesma, mas sempre um meio para se atingir um fim.” (H. Hendricks);
  • lembrarmo-nos que no ensino temos 2 opções, que podemos usar separadamente ou em simultâneo: lidar com o pecado (promovendo restauração, reconciliação e vida) ou com as situações naturais que precisam ser desenvolvidas (amadurecer);
  • conhecer as características pessoais e sociais de cada faixa etária, também é muito proveitoso, porque ajuda-nos a sermos mais objectivos e relevantes no ensino.

Continuo na expetativa daquilo que nos reserva o Módulo 2!

Cristina Soares, Pastora, Igreja Boas Novas

By |2017-07-18T14:26:14+00:00February 28th, 2012|Categories: Curso para Professores de EBD, Módulo 1, Testemunho|Comments Off on Módulo 1 não defraudou em nada as minhas expectativas

About the Author: